15 de Ago de 2022
Central de Relacionamento

Provas da 2ª etapa mostram equilíbrio em campeonato de arrancada

Público conferiu muitos recordes e um show de velocidade em Piracicaba

 Publicado em  02/05/2016 às 11h07  Piracicaba  Esportes


A 3ª etapa do Campeonato acontece em julho

A 3ª etapa do Campeonato acontece em julho
Foto: Divulgação

O resultado da segunda etapa do Campeonato Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo (ECPA) de Arrancada, disputadas neste fim de semana (30 de abril e 1ª de maio), na reta do autódromo, apresentaram uma grande paridade com relação às provas de abertura da temporada.

Apesar do equilíbrio, seis pilotos das 16 categorias disputadas ganharam pela segunda vez no certame e já podem ser considerados favoritos para ficarem com o título de campeão. Venceram André Minoru Matsutani (Força Livre Dianteira), Bryan de Oliveira Sousa (Drag Junior D) e Leandro Ibanez Junior (Street Tração Traseira).

Outros três que venceram pela segunda vez ainda quebraram o recorde nas suas respectivas categorias, Welington Scalez (Traseira Original) estabeleceu 6.813; Peterson Rodrigo Forti Bueno (Tração Traseira-B) cravou 5.512; e Edvan Hilario de Menezes (Dianteira Turbo A) marcou 6.079, quando atingiu 216.7 Km/h.

Com 28 competidores na disputa da Dianteira Turbo B (DT-B), quem se deu melhor foi o público que presenciou um show de alta performance dos carros desta categoria, com muitos pilotos entrando na casa dos seis segundos, o que até uma etapa atrás era algo quase inimaginável. A vitória ficou com Renato de Carvalho Lima, mas o recorde foi para Adriano Guizzardi Cordeiro, cravando 6.914.

Outra marca foi baixada na categoria Traseira Street Turbo (TST), com Alan Fontes impondo o tempo de 6.425 com seu Chevette. Mais uma vez as condições da pista estavam excelentes. Tanto que está é a segunda etapa seguida com muitas quebra de recordes. “Atualmente, acreditamos que a reta do ECPA é a pista de 201 metros mais rápidas do Brasil quando falamos de arrancada”, afirmou Fred Motta, responsável pelo tratamento do piso asfáltico.

O público também presenciou uma virada espetacular na Traseira Turbo-A, em que Cleiton Roberto Ferreira Fernandes dominou as provas classificatórias, inclusive nas beliscando o recorde da categoria, quando voou a mais de 210 Km/h, ficando a um milésimo da marca. Porém, no mata-mata, Pedro Alexandre Nunes, a bordo de seu Opala, foi melhor e garantiu a vitória sobre o forte oponente.

Discovery Turbo

Equipe do programa Test Drive, do canal Discovery Turbo, passou o fim de semana acompanhando as provas da segunda etapa do ECPA de Arrancada e gravando dois novos episódios. A série documental mostra tudo o que diz respeito à velocidade.

A 3ª etapa do Campeonato ECPA de Arrancada 2016: acontece nos dias 1, 2 e 3 de julho. Mais informações pelos telefones (19) 3438.7901 e 3438.7174, e-mail ecpa@ecpa.com.br, ecpa.com.br e facebook.com/ecpabrasil. Confira os vencedores da 2º etapa do Campeonato ECPA de Arrancada:

Desafio 9.0
1º Thiago Tadeu Torres 9s046

Desafio 8.5

1º Cleber Willi Pereira 8s547

Standart
1º Marcel Nogueira Tenore 8s808

Traseira Original - TO
1º Welington Scalez 6s923

Street Tração Traseira - STT

1º Leandro Ibanez Junior 9s594

Tração Traseira - B – TTB
1º Peterson Rodrigo Forti Bueno 5s576

Traseira Turbo - A – TTA
1º Pedro Alexandre Nunes 5s707

Traseira Street Turbo - TST

1º Alan Fontes 6s783

Força Livre Dianteira - FLD
1º Andre Minoru Matsutani 5s899

Força Livre Traseira - FLT
1º Luis Eduardo Figueiredo 6s049

Dianteira Turbo C - DT-C
1º Thiago Cirillo Falh 7s991

Dianteira Turbo B - DT-B
1º Renato de Carvalho Lima 7s424
Dianteira Turbo A - DT-A
1º Edvan Hilario de Menezes 6s099

Drag Junior D
1º Bryan de Oliveira Sousa 11s245

Drag Junior B
1º Lucas Gustavo Costa Bueno 7s501

Extreme 10,5
1º Marcio Mendes Vieira - não marcou tempo

Galeria de mídia

  • A 3ª etapa do Campeonato acontece em julho

    A 3ª etapa do Campeonato acontece em julho
    Foto: Divulgação



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar

Frutos de Indaiá

O Troféu Frutos de Indaiá tem o significado de sucesso e vitória. Uma premiação pelo esforço contínuo e coletivo em direção à excelência.

Confira como foi o Frutos de Indaiá 2021.

COMPARTILHE