26 de Maio de 2022
Central de Relacionamento

OAB de Indaiatuba terá eleição para nova gestão no dia 25 de novembro

Todos os advogados inscritos na OAB são obrigados a votar; duas chapas concorrem

 Publicado em  17/11/2021 às 09h23  atualizado em 19/11/2021 às 11h40 - Indaiatuba  Eleições


Viviane Matavelli, atual presidente, e Talita Patzi, oposição, concorrem ao cargo de presidente da OAB Indaiatuba

Viviane Matavelli, atual presidente, e Talita Patzi, oposição, concorrem ao cargo de presidente da OAB Indaiatuba
Foto: Divulgação

Bárbara Garcia
rmc@maisexpressao.com.br 

Em todo o estado de São Paulo, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) está organizando eleições para definir a próxima gestão, com mandato de três anos, contados entre 2022 até 2024.

Em Indaiatuba, duas chapas concorrem a eleição: uma que tenta a reeleição, com a atual presidente Drª Viviane Matavelli, e outra da oposição, liderada pela Drª Talita Patzi.

O pleito ocorrerá em 25 de novembro, das 9h às 17h. O voto é obrigatório para todos os advogados inscritos na OAB e com as anuidades em dia, mesmo aqueles acima dos 70 anos. Quem não votar está sujeito à multa de 20% a mais no valor da anuidade.

A Comissão Eleitoral da OAB publicará os locais de votação através dos canais de comunicação da instituição pelo menos até dez dias antes da eleição. Os candidatos devem preencher as seguintes condições de elegibilidade: estar inscrito na Seccional, em efetivo exercício há pelo menos três anos, para o cargo de Conselheiro Seccional e das Subseções, e para os demais cargos, deve ter acumulado ao menos cinco anos de atuação.

Na subseção de Indaiatuba, serão escolhidos os ocupantes para os seguintes cargos: Presidente, Vice-presidente, Secretário (a) Geral, Secretário (a) Geral Adjunto (a) e Tesoureiro (a). São reservadas ainda, 50% das vagas para cada gênero, e 30% para advogados que se autodeclararem como negros (as), ou pardos (as).

Não é permitida a candidatura de pessoas que ocupem cargos públicos, mesmo que compatíveis com a advocacia.

Chapa que concorre à reeleição

Na chapa da situação, que concorre à reeleição, os candidatos são Viviane Matavelli como presidente, Carlos Rogério Berti como vice-presidente, Ricardo Bueno Reis como secretário geral, Nice Souza, como secretária adjunta e Marquinhos Silva, como tesoureiro.

As principais propostas da chapa são manter formas de união de classe através da atuação da OAB; após a instalação de mais duas varas cíveis na comarca de Indaiatuba, especializar uma delas como Vara de Família e Sucessões; manter o acompanhamento e cobrança aos cartórios e magistrados a fim de combater a lentidão no andamento dos processos; continuar reivindicando junto à prefeitura a doação/ concessão de um terreno para a construção de uma sede própria; finalização do website da Subseção de Indaiatuba; Criação de novas comissões temáticas, como Direito Digital e Direito Processual Civil, além de fortalecer as comissões já existentes; manutenção e ampliação dos cursos e palestras realizados, com foco em trazer atualizações sobre a prática do Direito; combate diário ao desrespeito às prerrogativas dos profissionais; reforma do auditório, com substituição do equipamento audiovisual; ampliação do Escritório Compartilhado, com a criação de uma nova sala de reuniões; reativação do projeto “OAB vai à escola”; continuidade do plantão semanal com pelo menos um Diretor para atendimento aos colegas; busca de parceria com empresas locais com o objetivo de melhorar a Advocacia; melhorias das salas de apoio; maior participação da Advocacia nos Conselhos Municipais; Criação do Banco de Currículo, um projeto em parceria com as faculdades de Direito, com o fim de fomentar a melhor formação, busca e contratação de estagiários(as) e advogados(as), pelos escritórios da cidade.

Chapa da oposição

Concorre pela segunda chapa Talita Patzi concorrendo para presidente, Erick Regis como vice-presidente, Adilson Lima como secretário geral, Tiago Bertaci como secretário adjunto e Soyane Domingues como tesoureira.

Uma das principais propostas da oposição, que resumi seu lema como “Valorização e Prerrogativas”, é deixar a porta da OAB aberta, à disposição dos advogados, já que hoje ela se mantém fechada com cadeados. Outras propostas são desenvolver projetos em faculdades e escolas; o fim da reeleição, pois acreditam que a alternância de poder é saudável; promover intenso trabalho na defesa das prerrogativas profissionais; valorizar a profissão, pois acreditam que não há cidadania sem advocacia fortalecida; disponibilização de atendimento semanal com a Diretoria, valorizando a troca de experiências; desenvolver projetos para visitar os formandos das faculdades de Direito e ainda palestras para alunos de Ensino Médio; fomentar um programa de parceria entre advogados de áreas diversas, incentivando o networking jurídico; mutirão de assistência jurídica em localidades com população em situação de vulnerabilidade; reformulação do site e Instagram da OAB local; adesão ao programa “Caminho das Rosas”, que busca enfrentar a violência contra as mulheres na cidade; continuar a desenvolver projetos de apoio esportivo aos advogados, proporcionando experiências de lazer e bem estar; buscar a valorização da Subseção de Indaiatuba junto a Seccional; buscar alternativas de estacionamento próximo ao fórum com convênios para os advogados; buscar parcerias que possam oferecer descontos aos profissionais.

A eleição em São Paulo

A Seccional da OAB da cidade de São Paulo é a maior do país, com cerca de 300 mil advogados inscritos. Para a eleição do dia 25, concorrem cinco chapas, uma delas tentando à reeleição. Os cinco candidatos à presidente são: Alfredo Scaff Filho, Dora Cavalcanti, Caio Augusto Silva dos Santos – o atual presidente -, Patrícia Vanzolini e Mário de Oliveira Filho.

Galeria de mídia

  • Viviane Matavelli, atual presidente, e Talita Patzi, oposição, concorrem ao cargo de presidente da OAB Indaiatuba

    Viviane Matavelli, atual presidente, e Talita Patzi, oposição, concorrem ao cargo de presidente da OAB Indaiatuba
    Foto: Divulgação



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar

Frutos de Indaiá

O Troféu Frutos de Indaiá tem o significado de sucesso e vitória. Uma premiação pelo esforço contínuo e coletivo em direção à excelência.

Confira como foi o Frutos de Indaiá 2021.

COMPARTILHE