15 de Ago de 2022
Central de Relacionamento

'Monte Mor deixou de arrecadar R$ 21 mi para saúde em dois anos', afirma vereador

Bruno Leite, do DEM, diz que perda de recursos se deve à falta de uma consultoria para ajudar a Prefeitura

 Publicado em  25/10/2021 às 20h39  Monte Mor  Saúde


Segundo o vereador, os recursos que seriam transferidos via SUS e poderiam ser aplicados em melhorias diversas na área

Segundo o vereador, os recursos que seriam transferidos via SUS e poderiam ser aplicados em melhorias diversas na área
Foto: Câmara Municipal de Monte Mor

Eloy de Oliveira
maisexpressao@maisexpressao.com.br

O vereador Bruno Leite, do DEM, afirmou na Câmara que Monte Mor deixou de arrecadar R$ 21 milhões para a área da Saúde nos últimos dois anos por falta de uma consultoria que ajudasse a Prefeitura.

De acordo com ele, recursos que seriam transferidos via SUS e poderiam ser aplicados em melhorias diversas na área, como na construção de um novo hospital, não foram liberados para o município.

A informação foi obtida durante o evento “Como ampliar a receita do SUS para o município através de uma boa gestão”, promovido pela Escola do Legislativo, no último dia 1º, no qual ele esteve presente.

Consultoria

Para o vereador, o problema decorre da ausência de um serviço de consultoria, mesmo que seja pago, como afirmou, já que garantiria o controle de todo o sistema SUS do município, o que não ocorre hoje. 

O parlamentar afirmou que fará uma Indicação ao prefeito Edivaldo Brischi (PTB) e que irá conversar com o secretário de Saúde, Sílvio Corsini, para garantir que o problema não volte a ocorrer em 2021.

“Monte Mor não pode deixar de arrecadar tudo isso, não. Monte Mor tem que alimentar o sistema SUS, para que possamos ter uma saúde decente para todos nós”, disse, lamentando a perda.

Requerimentos

Os vereadores aprovaram na última sessão dois requerimentos que solicitam informações à Prefeitura sobre a Saúde. Eles querem saber sobre a aquisição de câmeras de vigilância e transporte de vacinas.

Os dois requerimentos são da vereadora Wal da Farmácia (PSL). “Essas perguntas [se referem a valores que] foram gastos com dinheiro da Covi-19”, disse Wal, minutos antes da votação dos requerimentos.

Há uma semana, Wal já havia comentado o assunto. A parlamentar disse que foram gastos cerca de R$ 32,5 mil com empenho referente à aquisição de câmeras de vigilância e R$ 16,2 mil com o transporte.

Galeria de mídia

  • Segundo o vereador, os recursos que seriam transferidos via SUS e poderiam ser aplicados em melhorias diversas na área

    Segundo o vereador, os recursos que seriam transferidos via SUS e poderiam ser aplicados em melhorias diversas na área
    Foto: Câmara Municipal de Monte Mor



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar

Frutos de Indaiá

O Troféu Frutos de Indaiá tem o significado de sucesso e vitória. Uma premiação pelo esforço contínuo e coletivo em direção à excelência.

Confira como foi o Frutos de Indaiá 2021.

COMPARTILHE