23 de Out de 2021
Central de Relacionamento

Homem vive um novo amor, mas não abandona chance de ser pai

David Ramos tomou coragem e acabou com um casamento de 19 anos para viver um outro amor

 Publicado em  06/08/2021 às 00h24  Indaiatuba  Comportamento


A ex-mulher Jane, os fillhos Kim, Ian e Winnie, o David e o Clark

A ex-mulher Jane, os fillhos Kim, Ian e Winnie, o David e o Clark
Foto: Arquivo Pessoal

Eloy de Oliveira
maisexpressao@maisexpressao.com

“Meus filhos são os meus alicerces”. Com essa frase o chefe do Departamento de Transportes da Câmara de Vereadores de Indaiatuba, David Ramos, de 57 anos, define o que lhe deu forças para mudar a sua vida no passado e que o lhe deixa feliz hoje.

É que ele decidiu trocar a sua orientação sexual depois de um casamento de 19 anos com uma mulher, que foi responsável pelo nascimento de dois meninos e uma menina, para se unir e viver um novo casamento, mas desta vez com um homem.

“Tudo já estava em mim desde o início. Muita gente diz que eu mudei a opção sexual. Não é uma opção. É uma orientação mesmo, porque eu estava voltado para o casamento hetero. Apesar disso, sentia atração por homens e não me entendia, não me encaixava”, disse ele.

Vai passar

Quando se tornou adolescente, na década de 70, David não via exemplos na sociedade de pessoas que eram como ele. Então achou que gostar de homens era um sentimento que iria passar com o tempo. Por isso, seguiu hétero.

“Não existia o termo gay, que só foi adotado na década de 80. Meninos que gostavam de homens eram afeminados ou queriam se vestir de mulher. Eu não era e nem queria nada disso, mas gostava de homens e sufoquei isto”.

As coisas mudaram quando conheceu Jane e se apaixonou por ela. Casaram-se no civil e no religioso e tiveram os filhos Kim, Yan e Winnie. “Eu estava feliz com o casamento hétero, porque achava que aquele gostar de homens ia passar, mas não passou”.

David disse que o casamento se desgastou e então resolveu se separar antes que tudo virasse apenas uma briga de todo dia. A partir da separação foi viver com o amigo Clark para poder dividir as despesas e se descobriu.

Decisão

“Nessa época já havia mais informação sobre os sentimentos que eu tinha. A literatura e a mídia falavam mais. Mostravam os diversos modos de ser LGBT. Eu vi que não era diferente e que havia um espaço para o meu jeito”.

Quando percebeu essa situação com o Clark, a primeira coisa que David fez foi contar aos filhos e eles todos o apoiaram. “Eu não admito perder meus filhos. Eles foram os meus alicerces”. Por isso, ele se casou no civil com Clark e hoje vivem em harmonia.

“Com o amor e carinho dos meus filhos, contei ao mundo, postei fotos e hoje sou muito feliz. Se me perguntar se me arrependo de ter sido hetero, nunca. A Jane me deu três filhos maravilhosos. Ela é uma amiga querida e presente hoje. Temos uma família”, resumiu.

Galeria de mídia

  • A ex-mulher Jane, os fillhos Kim, Ian e Winnie, o David e o Clark

    A ex-mulher Jane, os fillhos Kim, Ian e Winnie, o David e o Clark
    Foto: Arquivo Pessoal



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar

Frutos de Indaiá

O Troféu Frutos de Indaiá tem o significado de sucesso e vitória. Uma premiação pelo esforço contínuo e coletivo em direção à excelência.

06 NOV 2021, Clube 9 - Indaiatuba

COMPARTILHE