13 de Ago de 2022
Central de Relacionamento

Gestão do presidente da Câmara viabiliza R$ 2 mi para a região metropolitana

Pepo Lepinsk conversou com o governador, o prefeito de São Paulo e o presidente do MDB para liberar verba

 Publicado em  09/05/2022 às 08h59  Indaiatuba  Política


O prefeito de São Paulo,  Ricardo Nunes (MDB); Pepo e o governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB)

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB); Pepo e o governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB)
Foto: Assessoria de Pepo Lepinsk

Lucas Mantovani

lucasmantovani@maisexpressao.com.br

O presidente da Câmara de Indaiatuba, Pepo Lepinsk (MDB), retornou do encontro com autoridades em São Paulo, na terça-feira (3), trazendo mais de R$ 2 milhões de investimentos para as cidades da Região Metropolitana de Campinas.

O valor foi anunciado em reunião com o governador Rodrigo Garcia (PSDB); o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB); e o deputado federal Baleia Rossi (MDB-SP). De acordo com nota enviada pela assessoria do político, o dinheiro será encaminhado à região para investimentos em diversas áreas, como saúde, infraestrutura e habitação nos municípios.

"Este valor, ainda que dividido entre mais de uma cidade, é suficiente para adquirir ambulâncias, viaturas e insumos hospitalares, investimentos sempre bem-vindos para nossas prefeituras", afirmou o presidente do Legislativo. 

Com aspirações políticas e postulado como pré-candidato a deputado federal por Indaiatuba, Pepo tem realizado diversas ações em outras cidades da região para fortalecer a sua pré-candidatura.  

Segundo secretário do Parlamento da Região Metropolitana de Campinas e vice-presidente do MDB local, o político tem em seu grupo político um dos trunfos para conseguir um bom desempenho eleitoral. “O governo de São Paulo sempre esteve atento às demandas de Indaiatuba, graças também ao trabalho de articulação do nosso deputado estadual Rogério Nogueira", lembrou.

Os recursos liberados devem ser confirmados pelo governo de São Paulo na próxima segunda-feira (9).

Vereadores recebem proposta de LDO

Os vereadores de Indaiatuba começaram a discutir na última sessão, que aconteceu no dia 2, a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). A LDO estabelece as regras para a execução do orçamento de 2023 e também define as prioridades e metas do governo, apontando as prioridades da gestão.

A partir da data da sessão, a Comissão Permanente de Finanças e Orçamento (CFO), presidida pelo vereador Luiz Carlos Chiaparine (MDB), tem 30 dias para se debruçar sobre o projeto e apontar seu parecer. Passado o prazo, a CFO encaminhará a lei para outras comissões permanentes, a de Justiça e Redação, a de Educação, Saúde e Assistência Social e a de Segurança e Trânsito.

A Câmara tem até o dia 21 de agosto para colocar em votação a LDO e, em caso de aprovação, encaminhar para a sanção do Executivo. Ainda no rito de aprovação da LDO, consta a obrigatoriedade da realização de uma audiência pública sobre as diretrizes que segmentam a lei, para que o público possa participar. De acordo com a Câmara de Indaiatuba, a audiência está marcada para o dia 27 de maio, sexta-feira.

Galeria de mídia

  • O prefeito de São Paulo,  Ricardo Nunes (MDB); Pepo e o governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB)

    O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB); Pepo e o governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB)
    Foto: Assessoria de Pepo Lepinsk



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar

Frutos de Indaiá

O Troféu Frutos de Indaiá tem o significado de sucesso e vitória. Uma premiação pelo esforço contínuo e coletivo em direção à excelência.

Confira como foi o Frutos de Indaiá 2021.

COMPARTILHE