15 de Ago de 2022
Central de Relacionamento

Feira da Sustentabilidade tem mais de 50 atividades

Evento acontece na cidade de Piracicaba

 Publicado em  08/04/2016 às 14h09  Piracicaba  Cultura e lazer


Foto: Divulgação

A II Feira da Sustentabilidade, que ocorrerá na próxima semana (de 14 a 16/4), está com uma programação completa para receber o público na Casa do Marquês do bairro Monte Alegre, em Piracicaba (SP). O evento com entrada gratuita será a oportunidade dos visitantes conhecerem alternativas para economia de água e energia, madeira plástica, tecidos sustentáveis, tecnologias ambientais para construção civil entre outros produtos e serviços. Palestras, gastronomia, minicursos, exposições e soluções sustentáveis compõem cerca de 50 atividades. 

A abertura oficial, na quinta-feira (14), às 9h, contará com Miguel Cooper, da Superintendência de Gestão Ambiental da USP, Paulo Roberto Checoli, presidente da Associação Comercial e Industrial de Piracicaba (Acipi), Edinalva Inês Correa Souza, do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR), os patrocinadores OJI Papéis Especiais e Klabin, o apoio cultural do Sesc Piracicaba e logístico de inúmeras parcerias.  

Na sequência, às 10 horas, ocorrerá a Conversa Inaugural, com Paulo Nobre, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), Fabíola Zerbini, do Instituto Kairós – Ética e Atuação Responsável e com Maria Zulmira Souza, da Planetária Soluções Sustentáveis. A II Feira da Sustentabilidade - Compartilhando novas leituras e inspirações é organizada pela Casa do Marquês, Casa da Floresta Assessoria Ambiental e Instituto Casa da Floresta. 

A programação inclui 14 visitações de escolas e grupos que serão recebidos por monitoria, 14 minicursos, quatro mesas-redondas, 32 estandes com produtos sustentáveis e um espaço demonstrativo. A área de alimentação terá seis food trucks, uma cantina e uma cafeteria com opções saudáveis, todas comercializadas.  O funcionamento será: dias 14 e 15, das 9h às 19h e 16, das 9h às 17h. 

Os participantes também poderão conhecer o espaço modelo construído por 66 voluntários que se dividiram nas oficinas realizadas antes do evento. Neste local, a equipe da II Feira da Sustentabilidade mostrará composteira, banheiro seco e uma estrutura construída com bambu e fardos de feno, tratamento de água de pia e mobiliário sustentável.   

Haverá, ainda, a Exposição Científica e Comunitária com 12 trabalhos representando cinco municípios do Estado de São Paulo e um de Minas Gerais, envolvendo cinco grandes universidades. Os trabalhos poderão ser conhecidos no dia 15 de abril. No encerramento da Feira será entregue menção honrosa.  

REDE SUSTENTÁVEL

A II Feira da Sustentabilidade é fruto da união de um grande grupo de pessoas em torno de uma causa que já congrega a expertise de quase 17 municípios. São mais de 70 apoiadores fazendo o evento acontecer e abrindo a Casa do Marquês para mostrarem a riqueza e a diversidade socioambiental da região. “Trata-se da construção de uma rede de pessoas físicas, empresas, iniciativa pública e do terceiro setor mobilizando a economia colaborativa”, diz Mônica Cabello de Brito, coordenadora geral da II Feira da Sustentabilidade.   

Para a produtora executiva Valéria Freixêdas, este é um evento com potencial para despertar vários sentidos no público, mas, sobretudo, “compartilhar ideias e práticas sustentáveis que estão à disposição em nossa região e, cada vez mais, unindo pessoas para a construção de um mundo melhor”, enfatiza.  

CADASTRO

Quem deseja saber as novidades da II Feira da Sustentabilidade pode fazer o cadastro pelo site www.feiradasustentabilidade.com.br. Por e-mail serão enviadas todas as informações da programação e a certificação digital das atividades escolhidas. Para conhecer os temas dos minicursos e mesas-redondas basta acessar o menu “Programação”.  

ATIVIDADES E INSCRIÇÕES

Com vagas limitadas, para participar das atividades paralelas, como palestras e minicursos, por exemplo, será necessário chegar com 20 a 30 minutos de antecedência na Casa do Marquês e indicar o interesse. A entrada será por ordem de chegada.  

A Exposição Científica e Comunitária ocorrerá no dia 15 de abril, em dois horários: das 9h às 12h e das 14h às 17h.  A visitação do espaço modelo, dos estandes e da área de gastronomia estará aberta sem necessidade de agendamentos, todos os dias do evento: 14 e 15, das 9h às 18h30 e dia 16, das 9h às 16h30.   

Na sexta e no sábado, às 18h30, a música envolverá os visitantes com apresentações do Projeto Guri. Já no domingo, às 16h30, será a vez do Grupo Baque Caipira, sempre no jardim da Casa do Marquês.

Galeria de mídia


  • Foto: Divulgação



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar

Frutos de Indaiá

O Troféu Frutos de Indaiá tem o significado de sucesso e vitória. Uma premiação pelo esforço contínuo e coletivo em direção à excelência.

Confira como foi o Frutos de Indaiá 2021.

COMPARTILHE