15 de Ago de 2022

Prêmio Frutos de Indaiá

O maior evento de premiação de Indaiatuba

Frutos de Indaiá / Edição 2007

2º Prêmio “Frutos de Indaiá” supera expectativas

"Frutos de Indaiá – Os Melhores de 2006" premiou no dia 20 de junho de 2007, no Indaiatuba Clube, 150 segmentos. Além de apresentar os destaques da cidade, beneficiou a Volacc - Voluntárias no Apoio do Combate ao Câncer, com uma máquina de fraldas e a Associação Filantrópica São Francisco de Assis com um purificador de água. Idealizado pelos diretores do Grupo Mais Expressão, Admilson Redecopa e Alan de Santi, a segunda edição teve a organização da promotora de eventos, Cecília Miagawa. A ornamentação novamente ficou por conta do artista plástico e educador, Adriano Sordilli. A grande atração da noite de premiação foi o show do cantor e compositor Aroldo Alves Sobrinho, o Peninha. Também teve atrações apresentadas pela Academia Jazz Brasil: Vem Dançar, Bi Atriz e No Meu Espaço.

A 2ª edição de Frutos de Indaiá foi reformulada e superou o evento do ano passado com uma festa inesquecível para cerca de 780 convidados. Cecília destacou o premiado e fez com que a entrega não fosse cansativa. “A festa foi maravilhosa, a organização impecável. Foi um evento diferenciado, com muito glamour. O show do Peninha foi emocionante, o atendimento das recepcionistas foi perfeito e a comida deliciosa. O Prêmio Frutos de Indaiá já é um evento importante e tradicional da cidade. O Jornal Mais Expressão está de parabéns”, completou o gerente do Banco Unibanco, Vladmir. Para o proprietário da Sol Jóias, Florinaldo Ramos Brogio, o evento superou a primeira edição. “A festa foi muito boa, perfeita. O Prêmio Frutos de Indaiá está cada vez melhor”. Cada detalhe da festa foi preparado minuciosamente para a segurança e o bem estar dos convidados. Ao contrário do ano passado, em 2007 houve apenas um premiado em cada segmento, e o eleito em primeiro lugar em sua categoria que não aderiu ao evento, não foi substituído.

A pesquisa para saber quem foram os melhores do ano de 2006 começou a circular em novembro no Jornal Mais Expressão, e foi publicada até o dia 23 dezembro.

COMPARTILHE