15 de Ago de 2022
Central de Relacionamento

Ponte Estaiada será inaugurada até dezembro, garante EMTU

Nesta semana o prefeito Angelo Perugini se reuniu com o novo presidente da EMTU

 Publicado em  19/10/2018 às 09h05  Hortolândia  Cidades


Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos confirma que primeira etapa da obra do Corredor Metropolitano será concluída até dezembro

Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos confirma que primeira etapa da obra do Corredor Metropolitano será concluída até dezembro
Foto: Prefeitura de Hortolândia

A obra de continuidade do traçado do Corredor Metropolitano Noroeste “Vereador Biléo Soares” avança em ritmo acelerado. Os trabalhos realizados pela EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) se concentram na preparação das estruturas de estações de embarque e desembarque de passageiros, que serão concretadas na avenida construída a partir da Ponte da Esperança (Estaiada), sentido Jd. Novo Ângulo. Nesta semana o prefeito Angelo Perugini se reuniu com o novo presidente da EMTU, Theodoro de Almeida Pupo Junior, que confirmou que a Ponte será pavimentada em breve, o que possibilitará a entrega do primeiro trecho de obras até o final deste ano.

Além da concretagem dos pilares das estações de embarque e desembarque de passageiros, a empresa responsável pelas obras constrói a cobertura metálica destas estações em outro canteiro de obras. A estrutura será transportada até a nova avenida e instalada sobre os pilares. No primeiro trecho em obras acontece, também, o serviço de aterro da cabeceira da Ponte da Esperança, além da remoção do pavimento da avenida Antônio da Costa Santos, no Jd. Nova América, que será ampliada e asfaltada para receber o tráfego de veículos do corredor expresso de ônibus. Na segunda etapa das obras, o traçado seguirá sentido Rodovia Jornalista Francisco Aguirre de Proença (SP-101), pelo Parque Perón e Chácara Nova Boa Vista. O Corredor Metropolitano proporcionará a ligação viária de Americana até Campinas. Já a Ponte da Esperança, construída pela Prefeitura para fazer parte deste traçado, também unirá as regiões Leste (Jd. Novo Ângulo) e Oeste (Jd. Amanda) da cidade.

“Vemos surgir um novo sistema viário, muito eficiente e promissor, que irá auxiliar na fluidez do trânsito local e regional e, também, alavancar o desenvolvimento nos bairros de Hortolândia cortados pelo traçado do Corredor Metropolitano. Em breve, a base da Ponte Estaiada será asfaltada e, com a finalização da cabeceira no sentido Jd. Novo Ângulo, será possível a liberação do tráfego de veículos pela nova avenida. A Prefeitura também trabalha em projetos viários para esta região, abrindo ainda mais caminhos para o desenvolvimento”, destaca o prefeito.

O Estado investe R$ 58,2 milhões nas obras em Hortolândia, que incluem a interligação da avenida Olívio Franceschini com a ponte; o viário da ponte até a SP-101, com duas alças de acesso do Corredor à rodovia, nos sentidos Monte Mor e Campinas; duas estações de transferência nos bairros Peron e Rosolen; cinco estações de embarque e desembarque; além de um CCO (Centro de Controle Operacional), na avenida Olívio Franceschini; e de um viaduto na SP-101, na altura do Jardim Rosolen.

Alça de acesso

A Rodovias do Tietê, concessionária que administra a Rodovia Jornalista Francisco Aguirre de Proença (SP-101), realiza a obra de implantação do dispositivo de acesso da Ponte da Esperança ao quilômetro 5 da Rodovia. O dispositivo que fará transposição da SP-101, na altura do bairro Chácara Nova Boa Vista, viabilizará o acesso de veículos nos sentidos Campinas e Monte Mor, a partir do Corredor Metropolitano Noroeste. Esta obra faz parte das intervenções necessárias para a Ponte Estaiada entrar em operação, solicitadas pelo prefeito Angelo Perugini ao Estado. A previsão é que a alça de acesso e todo o traçado do Corredor Metropolitano em Hortolândia fiquem prontos na mesma época, no próximo ano.

PIC

A obra realizada faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento). O programa prevê investimentos de cerca R$ 400 milhões para promover o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 20 anos.

Galeria de mídia

  • Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos confirma que primeira etapa da obra do Corredor Metropolitano será concluída até dezembro

    Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos confirma que primeira etapa da obra do Corredor Metropolitano será concluída até dezembro
    Foto: Prefeitura de Hortolândia



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar

Frutos de Indaiá

O Troféu Frutos de Indaiá tem o significado de sucesso e vitória. Uma premiação pelo esforço contínuo e coletivo em direção à excelência.

Confira como foi o Frutos de Indaiá 2021.

COMPARTILHE