21 de Maio de 2022
Central de Relacionamento

Estragos da chuva forçam Prefeitura a mudar plano de melhorias

Dificuldade para pavimentação do bairro Recanto Campestre foi uma das principais razões para os ajustes

 Publicado em  21/01/2022 às 12h02  atualizado em 21/01/2022 às 12h09 - Indaiatuba  Cidades


A chuva invadiu várias casas alagando e provocando destruição

A chuva invadiu várias casas alagando e provocando destruição
Foto: Reprodução/Marta Maria Cotrim dos Reis

Lucas Mantovani
maisexpressao@maisexpressao.com.br

Após as fortes chuvas que atingiram o bairro Recanto Campestre Internacional de Viracopos e causaram transtorno aos moradores, no último domingo (16), o prefeito de Indaiatuba, Nilson Gaspar (MDB), se deslocou até o local. Logo depois, forçado pela situação, em uma postagem do seu instagram, Gaspar se comprometeu a atualizar o Plano Comunitário de Melhorias (PCM) da drenagem e também do asfalto.

Asfaltar as ruas do bairro é a principal reivindicação dos residentes locais. Em um vídeo enviado ao Mais Expressão durante as chuvas de domingo, foi possível ver uma grande fila de carros parados, sem conseguirem trafegar por conta da quantidade de lama e pedras nas ruas. Os moradores precisaram de enxadas para retirar todos os obstáculos do caminho. Segundo a moradora do vídeo, que não se identificou, há pelo menos dois anos que ela mora no local e tenta viabilizar a pavimentação do espaço, mas as investidas acabaram não dando resultado justamente pelas regras do PCM atual.

O PCM foi lançado em 2019 com o intuito de pavimentar 21 loteamentos localizados na zona norte da cidade. De acordo com a Prefeitura, legalmente a administração não pode investir dinheiro público nessas obras. A saída foi criar um plano que contasse com a participação popular, sendo os custos divididos entre a população dos bairros. Para que a empreitada ocorresse, era necessário a adesão de 70% dos moradores, fato que, segundo a Prefeitura de Indaiatuba, não aconteceu.  

Rogério Ferrabraz, residente no bairro há dois anos, discorda, no entanto, da forma como foi realizado todo o processo. Segundo o cidadão, como o processo é feito de forma padrão para todos os bairros, isso acaba dificultando a adesão, já que as realidades são diferentes. Além disso, muitos moradores chegaram recentemente ao local e não tiveram a oportunidade de aderir ao Plano. Ferrabraz também contestou o valor e a forma de pagamento apresentados à época. Segundo o morador, o valor e a forma de pagamento são ruins e não cabem no bolso dos residentes. “Queremos aderir ao Plano Comunitário de Melhorias, sim, desde que ele seja justo, que nós tenhamos condições de pagar”, finalizou.

Alagamentos

Além dos asfaltos comprometidos, a chuva acabou invadindo casas e causando alagamentos pelo bairro. Na rua Acácia, uma árvore caiu e danificou os fios da rede de energia. A situação foi resolvida pelo Corpo de Bombeiros em conjunto com a CPFL ainda no domingo. A Defesa Civil também compareceu ao local.

Definição das mudanças ainda depende de estudos

Embora anunciado pelo prefeito Nilson Gaspar, ainda não há nenhum tipo de informação acerca das mudanças que podem ser realizadas no Plano Comunitário de Melhorias (PCM) para a pavimentação dos bairros.

Segundo a Prefeitura de Indaiatuba, existem análises e estudos a partir do primeiro projeto apresentado para dividir as propostas conforme a situação dos bairros. Contudo, “nem todos os bairros possuem limites geográficos e, sendo assim, onde há convergência, o projeto precisa se estender de um lado a outro para não gerar novos gargalos”. Sobre a forma de pagamento, a Prefeitura informou que analisa com o seu jurídico as formas de estender a quantidade de parcelas.

Outra solução apontada pela Prefeitura é a partir de fundos perdidos de recursos federais ou estaduais (que são aqueles que não exigem pagamento ao fornecedor), como ocorreu nas obras de saneamento, com a implantação do sistema de esgotamento sanitário nos bairros da zona norte.

Galeria de mídia

  • A chuva invadiu várias casas alagando e provocando destruição

    A chuva invadiu várias casas alagando e provocando destruição
    Foto: Reprodução/Marta Maria Cotrim dos Reis



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar

Frutos de Indaiá

O Troféu Frutos de Indaiá tem o significado de sucesso e vitória. Uma premiação pelo esforço contínuo e coletivo em direção à excelência.

Confira como foi o Frutos de Indaiá 2021.

COMPARTILHE