07 de Abril de 2020
Central de Relacionamento

Compras nos supermercados já pesam no bolso

De acordo com a APAS os aumentos são sendo praticados pelos fornecedores

 Publicado em  26/03/2020 às 12h21  atualizado em 26/03/2020 às 12h23 - Brasil  Economia


Foto: Divulgação

Em virtude da demanda de consumo nos últimos dias (tanto presencial quanto online), a APAS constatou que alguns produtos tiveram aumento de preço. Esses eventuais aumentos estão sendo praticados pelos fornecedores e sendo repassados aos supermercados. Os associados da APAS têm procurado negociar com seus fornecedores, mas, em alguns casos, precisam repassar seus custos.

Segundo o presidente da APAS, Ronaldo dos Santos, “neste momento estamos buscando soluções que ajudem nossos clientes, que são nossa principal preocupação. Temos feito reuniões internas e convidando fornecedores para juntos, tentarmos encontrar caminhos para regularizar o abastecimento e definir a melhor relação de preço”, disse.

A APAS também está trabalhando em parceria com a Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) e com a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), do Ministério da Justiça, para evitar práticas abusivas de aumentos injustificados de preços pelos fornecedoras do setor. Em nota oficial, a ABRAS explicou sua posição sobre eventuais aumentos:

“Ressaltamos que a ABRAS não compactua com a elevação injustificada de preços, principalmente, em período de fragilidade da população, que busca se proteger do Coronavírus (Covid-19) e evitar a propagação da doença no Brasil. Qualquer reclamação relacionada ao tema, a entidade nacional disponibiliza o e-mail contato@abras.com.br .”

Exemplos de alguns itens que sofreram aumento para os supermercados nos últimos 10 dias:

- Leite Longa Vida: 54% de Aumento sem disponibilidade de Compra

- Feijão: 67% de aumento sem disponibilidade de Compra

- Alho: 45% de aumento

- Batata: 90% de aumento

 

Álcool em gel

O abastecimento do álcool em gel ainda não está normalizado para os supermercados. A indústria está se esforçando para atender os pedidos. Esse abastecimento deverá se normalizar em breve.

 

Galeria de mídia


  • Foto: Divulgação



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar
Frutos de Indaiá

Conheça o maior evento de premiação de Indaiatuba.

Frutos de Indaiá