15 de Jun de 2021
Central de Relacionamento

Madelasca oferece serviços em Madeira em todas as etapas da Construção

Pelo aumento no setor de Construção Civil na Pandemia, eles não pararam de atender

 Publicado em  28/05/2021 às 20h32  Indaiatuba  Variedades


Acima, a fachada da Madelasca. Abaixo, toda a equipe de funcionários, a maioria membros da família do proprietário Valdir Saladini

Acima, a fachada da Madelasca. Abaixo, toda a equipe de funcionários, a maioria membros da família do proprietário Valdir Saladini
Foto: Junior Saladini

Bárbara Garcia
rmc@maisexpressao.com.br

A Madeireira Madelasca existe há 30 anos, mas foi adquirida pelo empresário Valdir Saladini há 18. Valdir é natural do interior de São Paulo, cidade de Fernandópolis, e quando jovem veio morar em Indaiatuba, para trabalhar como gerente no antigo Shop da Madeira. Após 20 anos, tornou-se sócio da Madelasca. Em 2006, comprou a parte do parceiro e tornou-se, então, proprietário.  De lá para cá, a Madeireira Madelasca ficou bastante conhecida aqui na cidade.

Valdir Saladini Junior, filho do empresário, tem 27 anos e trabalha com o pai desde os 15. Suas duas irmãs, Patrícia e Patiani Saladini, também fazem parte da equipe, uma no setor financeiro e outra na parte de vendas da empresa. O irmão do proprietário, Valdenir, e seu filho Yan, também colaboram. Portanto, é uma empresa familiar, que, segundo Júnior, cresce anualmente.

O motivo do crescimento constante, de acordo com ele, são as melhorias que implementam de tempos em tempos, tanto na escolha dos colaboradores, como nas parcerias com prestadores de serviço e na compra das melhores madeiras, com bom custo-benefício para os clientes.

“Hoje há uma tendência crescente nos pedidos de forros e painéis ripados, nos quais a gente vem se especializando”, explica Júnior. Eles participam da obra desde o básico, que consiste em fazer o ‘gabarito’ da construção para as marcações necessárias na topografia e terraplanagem, até o acabamento do imóvel, com aplicação das madeiras em pisos do tipo tacos, assoalhos, decks, pergolados, painéis de floreiras e semelhantes.

Todas as madeiras de origem têm o certificado do DOF (Documento de Origem Florestal). Somente para as madeiras de pinos e eucaliptos o documento não é necessário, pois já são vindas de reflorestamento.

Oferecem também fechaduras, dobradiças, puxadores, e tudo o que pode acompanhar o serviço de madeireira. As madeiras com que mais trabalham são Cumaru, Garapeira, Tamarino, Muiracatiara, Angelim, Pariri, Sucupira Amarela, Cedro Rosa, Cedrinho, Freijó e Peroba Rosa de demolição. Eles também fazem janelas, portas e batentes sob medida, em produção própria. “Muitos clientes já vêm com o projeto feito, e a gente tenta executar da forma mais parecida com o pensamento e desejo deles”.

Na Pandemia, eles não puderam parar o atendimento, pois a quantidade de pedidos aumentou, já que o setor da Construção Civil cresceu nesse período. Eles têm atualmente cerca de 30 funcionários e, inclusive, precisaram contratar mais uma estagiária, Patrícia, que faz parte da equipe de vendas.

Júnior conta que o serviço é bastante elogiado, com vários exemplos de sucesso. “Temos uma equipe muito bem-educada, que atrai as pessoas. Somos bem avaliados em condomínios residenciais fechados e até em bairros, executamos obras e portas com um bom feedback”.

Se você ficou interessado, é só procurá-los no Facebook como Madeireira Madelasca, no Instagram como @madeireiramadelasca.  O site institucional é o www.madelasca.com.br , o telefone para contato é: (19) 3801-2884 e o e-mail, madelasca@gmail.com. Eles estão atendendo presencialmente, com todas as medidas sanitárias contra a COVID-19, entre 7h30 e 17h30 de segunda a sexta, e das 7h30 às 12h, aos sábados. O endereço fica na Avenida Visconde de Indaiatuba, nº 855, no bairro Jardim América.

Galeria de mídia

  • Acima, a fachada da Madelasca. Abaixo, toda a equipe de funcionários, a maioria membros da família do proprietário Valdir Saladini

    Acima, a fachada da Madelasca. Abaixo, toda a equipe de funcionários, a maioria membros da família do proprietário Valdir Saladini
    Foto: Junior Saladini



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar

Frutos de Indaiá

O Troféu Frutos de Indaiá tem o significado de sucesso e vitória. Uma premiação pelo esforço contínuo e coletivo em direção à excelência.

13 MAR 2021, Clube 9 - Indaiatuba

COMPARTILHE