27 de Setembro de 2020
Central de Relacionamento

Ofertas de empréstimos irregulares têm idosos como alvos

Segurados acabam adquirindo dívida desnecessária por muitos anos

 Publicado em  26/06/2020 às 13h52  Brasil  Cidades


Da Redação

maisexpressao@maisexpressao.com.br

Os idosos têm sido o principal alvo das ofertas de empréstimos consignados irregulares. Por desconhecimento ou falta de habilidade, os aposentados/pensionistas acabam aceitando a proposta e adquirem uma dívida desnecessária que será diluída do benefício por muitos anos. A fraude contra segurados do INSS é muito grande, e denúncias revelam que os próprios funcionários dos bancos, para atingirem metas, estão contratando empréstimos consignados em nome de correntistas sem autorização.

Caso o segurado tenha aceito o empréstimo, o melhor é não usar o dinheiro depositado na conta, e comunicar a instituição financeira imediatamente, destaca o advogado Maurício L. Moraes. "Se o banco não resolver o problema, a vítima deve procurar o Procon e formalizar a reclamação. É necessário reunir os documentos pessoais, comprovante de endereço, cópias do comprovante de pagamento do INSS e do extrato bancário onde consta o desconto do valor do empréstimo consignado indevido, exigindo o cancelamento", complementa.

Se a instituição bancária, ainda assim negar o cancelamento, o correntista deve procurar um advogado e solicitar o ressarcimento em dobro dos valores descontados, acrescidos de correção monetária e juros legais, salvo hipótese de engano justificável. "Além disso, pode ser requerida reparação por danos extrapatrimoniais (dano moral), decorrentes de lesões sofridas pelo segurado, que ficou sem parte dos seus vencimentos, com prejuízo de suas finanças pessoais”, ressalta Moraes.

Fique atento

Para não cair em fraudes, o segurando deve ter o cuidado de nunca fornecer seu CPF em abordagens na rua, por telefone ou escritório; tampouco informar dados a estranhos ou assinar documentos. Também não é aconselhável contratar empréstimos ou cartão de crédito consignados por telefone. "O indicado é procurar a agência bancária ou financeira credenciada. Lembre-se de perguntar sobre detalhes como o total e o valor das parcelas, taxa de juros, e o custo integral do empréstimo tomado", orienta o advogado.

O INSS reforça que o beneficiário pode fazer o bloqueio do benefício para a contratação de empréstimos. Ele precisa ir diretamente à agência onde está vinculado, e a ação não requer agendamento. Os atendimentos sem hora marcada terminam às 13h. Caso necessite de empréstimo, basta desbloquear o benefício; o bloqueio pode ser feito novamente depois.

O segurado que for vítima de golpe ou achar irregularidades nos descontos em folha deve cadastrar queixa por meio da Central de Teleatendimento 135, pela Ouvidoria, ou pessoalmente em qualquer agência do INSS para suspender os descontos. Se constatada a irregularidade, a instituição financeira tem de extinguir o empréstimo e devolver os valores.

Galeria de mídia

Não há fotos e vídeos disponíveis.



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar
Frutos de Indaiá

Conheça o maior evento de premiação de Indaiatuba.

Frutos de Indaiá

Compartilhe