24 de Setembro de 2020
Central de Relacionamento

Governo paulista mantém retomada das aulas em setembro

A manutenção das cidades na fase amarela será condição da reabertura

 Publicado em  21/07/2020 às 10h45  Estado SP  Educação


Foto: Reprodução Google

Da Redação

maisexpressao@maisexpressao.com.br

No dia 17 de julho, o governo de São Paulo anunciou que a previsão para o retorno das aulas presenciais segue mantida para o próximo 8 de setembro. A retomada, entretanto, está condicionada se todas as regiões do estado permanecerem na etapa amarela do Plano São Paulo.

A confirmação foi feita em coletiva no Palácio dos Bandeirantes com o esclarecimento sobre um equívoco na divulgação de um estudo realizado pelo professor Eduardo Massad, da Fundação Getúlio Vargas (FGV), nesta semana. Ao contrário do que foi divulgado, de que poderia haver 17 mil mortos, o correto é uma estimativa dez vezes menor: 1.557. É importante ressaltar que o indicador não se refere somente ao estado de São Paulo, e sim ao Brasil todo.

Também engloba todos os níveis da educação, com alunos de 1 a 19 anos, e não é exclusivo à educação infantil. Além disso, os resultados são apenas uma estimativa do que poderia ocorrer no Brasil. Estimativas locais poderiam ser feitas com resultados que poderiam diferir bastante dos relativos ao país.

Para o secretário de Educação, Rossieli Soares, 1.557 é um número "considerável". "Por isso que estamos alertando, nós não aceitamos e vamos trabalhar com absoluta segurança nesse processo. Só voltaremos com a área da saúde falando que é possível retornar dadas as condições que teremos lá na frente. Nossos protocolos estão mantidos."

Um deles, por exemplo, é não permitir que as pessoas que compõem o grupo de risco retomem as atividades presencias, sejam funcionários ou alunos. Segundo Rossieli, nos dias 24 de julho e 7 de agosto haverá novos boletins epidemiológicos que vão nortear a decisão da retomada em setembro.

Galeria de mídia


  • Foto: Reprodução Google



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar
Frutos de Indaiá

Conheça o maior evento de premiação de Indaiatuba.

Frutos de Indaiá

Compartilhe