05 de Mar de 2021
Central de Relacionamento

Emprego formal: Indaiatuba fecha 2020 com saldo positivo

Preservação de empregos é o responsável pelo resultado positivo

 Publicado em  29/01/2021 às 21h07  Indaiatuba  Trabalho e emprego


De janeiro a dezembro do ano passado, foram 27.918 admissões em Indaiatuba

De janeiro a dezembro do ano passado, foram 27.918 admissões em Indaiatuba
Foto: Agência Brasília

Denise Katahira
redacao@maisexpressao.com.br

Indaiatuba fechou o ano de 2020 com saldo positivo na geração de empregos formais, segundo oCaged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados).

De acordo com dados, de janeiro a dezembro do ano passado, foram 27.918 admissões e 27.595 desligamentos, resultando um saldo positivo de 323. Durante os doze meses de 2020, cinco meses fecharam com saldo negativo, sendo que o mês de abril foi quando houve o maior número de demissões. Neste mês, o Caged registrou 980 admissões e 2.711 demissões.

Já na geração de emprego o mês de setembro foi que mais contratou, admitindo 2.774 funcionários e dispensando 1.898 profissionais.

Para o ministro da Economia, Paulo Guedes, o BEm (Benefício Emergencial para Preservação do Emprego e da Renda), criado pelo governo federal durante a pandemia de covid-19, é um dos responsáveis pelo resultado.

Pelo programa, empregadores e funcionários fizeram acordos de redução de jornada e salário ou de suspensão de contratos. Como contrapartida, o governo pagou, com recursos do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador), uma porcentagem do seguro-desemprego a que o empregado teria direito se fosse demitido.

Segundo o Caged, em Indaiatuba, houve 45.825 acordos emergenciais sendo 270 intermitentes; 8.711 com redução de 20%; 9.538 com redução de 50%; 9.786 com redução de 70%; e 17.521 suspensões. Ainda de acordo com os dados, a prestação de serviços foi que mais aderiu ao BEm com 18.841 acordo, seguido pela indústria com 17.687, comércio com 8.261 e construção com 1.017.

Demissões em dezembro

Após cinco meses de saldo positivo, em dezembro, o número de demissões superou o de contratações em Indaiatuba, com o fechamento de 2.399 postos de trabalho. De acordo com o ministério, dezembro é um mês “de ressaca” no mercado e essas perdas são comuns.

 

Galeria de mídia

  • De janeiro a dezembro do ano passado, foram 27.918 admissões em Indaiatuba

    De janeiro a dezembro do ano passado, foram 27.918 admissões em Indaiatuba
    Foto: Agência Brasília



Comentários

*Leia o regulamento antes de comentar

Frutos de Indaiá

O Troféu Frutos de Indaiá tem o significado de sucesso e vitória. Uma premiação pelo esforço contínuo e coletivo em direção à excelência.

13 MAR 2021, Clube 9 - Indaiatuba

COMPARTILHE