23 de Fevereiro de 2019
Central de Relacionamento

Campanha visa reduzir número de animais abandonados nas rodovias

Somente neste ano, em Indaiatuba, foram registrados 29 episódios de abandono na SP-75


13/04/2018 às 11h02

Indaiatuba    Cidades

Durante o ano de 2017, foram registrados 76 casos de animais domésticos encontrados na rodovia SP-75

Durante o ano de 2017, foram registrados 76 casos de animais domésticos encontrados na rodovia SP-75 - Foto: Guilherme Liberalesso


O abandono de cães e gatos é cada vez mais recorrente nas cidades, porém muitos donos têm deixado seus animais às margens de rodovias o que pode resultar em atropelamentos, que ao encontro inesperado entre animais e veículos, em alta velocidade, pode causar graves acidentes. Atento a isso, a AB Colinas em parceria com a Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), está realizando a campanha “Seja um Tutor Responsável”, que tem como objetivo reduzir o número de animais abandonados nas rodovias. A ação é promovida pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente.
De acordo com a AB Colinas, no trecho de Indaiatuba, na Rodovia Engº Ermênio de Oliveira Penteado (SP-75), durante o ano de 2017, foram registrados 76 casos de animais domésticos encontrados na rodovia. Entre janeiro e março de 2018 este número foi de 29 episódios, segundo a concessionária AB Colinas.
Ainda segundo a concessionária é feito um monitoramento diário das rodovias a fim de prevenir o surgimento de animais nas vias. Este controle é feito pelas equipes de inspeção de tráfego, que percorrem todo o trecho administrado 24 horas por dia e pelo circuito de monitoramento por câmeras que estão instaladas na malha viária. 
Caso algum usuário encontre um animal nas pistas deve entrar em contato com a concessionária pelo telefone 0800-7035080 ou por um dos telefones de emergência (Call Box) nas vias administradas. 
A concessionária ressalta ainda a todos os donos de propriedades lindeiras que possuam animais, que a responsabilidade pela guarda e contenção dos mesmos é do proprietário e está prevista no Código 936 do Código Civil Brasileiro: “o dono, ou detentor, do animal ressarcirá o dano por este causado, se não provar culpa da vítima ou forças maiores”.


Artesp
De acordo com a Artesp, nas rodovias concedidas, houve queda de 5% desse tipo de ocorrência nos últimos dois anos, evitando assim, atropelamentos e acidentes que podem ser causados por um animal na pista. “O abandono de cães e gatos vem diminuindo nos últimos anos, mas o número ainda é muito alto”, alerta o coordenador de Meio Ambiente da Artesp, Pedro Romanini. "O abandono de animais nas rodovias é mais comum em vésperas de feriados e festas de fim de ano, pois os donos não têm onde deixar o animal e acabam abandonando seus bichos de estimação", comenta.
Segundo dados da Artesp, em 2017 foram encontrados 15.268 gatos e cachorros mortos nas rodovias paulistas concedidas, 5% a menos em relação a 2015.
Os números de cães abandonados nas rodovias são sempre maiores que o de gatos. Só em 2017, 12.541 cachorros foram encontrados atropelados nas rodovias, enquanto, foram encontrados no mesmo período, 2.727 gatos. O número de atropelamentos de gatos caiu mais do que o de cães na comparação entre 2015 e 2017. A redução entre os bichanos foi de 9%, enquanto entre os cães foi de 4%.
 

O que fazer quando identificar animais na pista
• Reduza a velocidade;
• Nunca buzine, para não assustar o animal;
• Não pisque os faróis ou jogue luz sobre o animal;
• Feche os vidros do veículo ao passar perto de animais de grande porte;
• Se for necessário ultrapassar, siga por trás dos bichos;
• Sinalize para os motoristas que vêm em direção oposta sobre o perigo, piscando os faróis. Piscar três vezes o farol e posicionar a mão para baixo com quatro dedos abertos indica a presença de animais na pista;
• Ligue e comunique o fato para o 0800 da concessionária responsável pela rodovia;
• Ligue e comunique o fato para a Polícia Militar Rodoviária.



Galeria de mídia

Não há fotos e vídeos disponíveis.



Comentários

*Importante

  • Todo comentário é de responsabilidade exclusiva de seu autor
  • Nenhum comentário expressa ou representa a opnião do nosso portal
  • Não use comentários para incitar ou promover atos difamatórios, preconceituosos, seja de qualquer raça, genêro, oriêntação, religião, deficiência ou de qualquer espécie e natureza
  • O comentário poderá ser excluído a qualquer momento, sem prévio aviso, caso infrinja o regulamento acima.

Frutos de Indaiá

Conheça o maior evento de premiação de Indaiatuba.

Frutos de Indaiá